Minas tem primeira cervejaria com produção em incubadora de empresas

Com programa de incubação de Santa Rita do Sapucaí, Cerveja Pós-Doc já conseguiu registro no Mapa e está pronta para encarar o mercado

Por Renata Abritta

Eles não gostavam de cerveja. Até que, por conta de um pós-doutorado em microbiologia cujo trabalho era desenvolver etanol de segunda geração, começou a surgir uma paixão pelo trabalho das leveduras. Com o passar do tempo vieram cursos e brassagens caseiras, ate que finalmente, eles conseguiram abrir a primeira nanocervejaria do Brasil, registrada no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), com sede em uma incubadora de empresas, e produzem rótulos exóticos e criativos embasados por todo esse conhecimento.

O processo até aqui não foi simples para a Cervejaria Pós-Doc, hoje instalada em Santa Rita do Sapucaí, no Sul de Minas, em um prédio onde estão outras 13 empresas de diferentes segmentos.

A incubação

“Foi uma fase difícil, pois tivemos que transformar uma ideia, um sonho, em números, em plano de negócios, e adaptá-los aos formulários ainda voltados para empresas de tecnologia. Todo o processo de reforma da sala para as adaptações foi prontamente aceito, tivemos várias orientações para melhoria de processos visando prédios inteligentes”, conta Luciana Guimarães, CEO da cervejaria, que foi criada ao lado do marido Francisco Costa, o mestre cervejeiro.

Por outro lado, ela conta que “incubar” a empresa foi fundamental para sua criação. Segundo Luciana, essa é uma forma de ter o respaldo necessário para evitar entrar no alto índice de mortalidade de empresas nos dois primeiros anos de atividade. 

Prédio da incubadora municipal. A cervejaria funciona na última janela à direita no térreo.

“Neste ambiente, as empresas têm acesso a assessoria empresarial, contabilística, financeira e jurídica, se capacitando para, então, nascer de maneira mais adequada e gerar novas oportunidades para o mercado. Para nós foi essencial para tirar nossa cervejaria do papel! Nosso investimento em infraestrutura foi reduzido drasticamente e com alta possibilidade de sucesso na vistoria do Mapa”, explica Luciana.

Batizado de Programa Municipal de Inovação, o apoio à incubação de empresas é uma iniciativa da prefeitura de Santa Rita do Sapucaí que completa duas décadas neste ano, sendo vinculado à Secretaria Municipal de Ciência, Tecnologia, Indústria e Comércio.

Cervejaria funciona em um prédio onde estão outras 13 empresas de diferentes segmentos

Portifólio

Hoje a Cervejaria Pós-Doc tem 16 receitas próprias em seu portifólio testadas e prontas para o mercado. Muitas sazonais, principalmente com valorização do terroir da Mantiqueira e de sabores regionais. Os estilos fixos na produção serão Kölsch, Witbier Laranja & Pimenta Rosa, Irish Red Ale e English IPA. Entre as sazonais, Vanilla Milk Stout, fruit beers e Black IPA.

O cervejeiro gosta de desafios e foge do espaço – e dos ingredientes comuns. O primeiro deles foi produzir a primeira cerveja com marmelo no Brasil. Um fruit beer com paladar único da acidez da fruta, notas de açúcar mascavo e alto teor alcoólico (9.5%). 

Fruit beer com marmelo (primeira do Brasil com a fruta, produzida ainda no tempo em que eram caseiros)

“As frutas são as principais inspirações e a escola belga de cervejas nos respalda. É também uma certa ‘missão’ apresentar ao público a versatilidade dos estilos de cerveja e que uma cerveja com frutas (qualquer outro ingrediente que possa parecer inusitado) é também cerveja. E, arrisco dizer, das que mais exigem conhecimento e técnica do mestre cervejeiro. Somos pioneiros aqui na economia criativa, no Brasil pela incubação e isso nos traz a responsabilidade de crescer com maturidade, apresentar produtos de qualidade e não perder nosso diamante, aqui que só nós temos e nos faz ser o que somos. Ano que vem também está nos planos abrir nossas portas para os cervejeiros ciganos e compartilhar nossas experiências e tanques”, completa Luciana.

Francisco e Luciana, criadores da cervejaria Pós-Doc

Gostou da iniciativa? Você também vai gostar de saber que pesquisadores de Minas estão desenvolvendo estudos com levedura isolada da cachaça! Para saber mais clique AQUI.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s